Cultura coreana de namoro: É Tudo Como Nos Doramas? Descubra!

casal cultura coreana namoro

Seja nos doramas, nas músicas ou nas webtoons, sempre vemos casais coreanos em suas idas e voltas. É comum, também, que vejamos hábitos entre esses casais que são bem diferentes da dinâmica de namorados aqui no Brasil. Daí, naturalmente, surge uma dúvida: Como é a cultura coreana de namoro? É como nos doramas?

A partir de hoje, o dia 1…? (오늘부터 1일이야)

Você finalmente tomou a coragem de pedir a pessoa que gosta em namoro. Talvez, já até tenha dado alguns sinais dos seus sentimentos, mas decidiu que é sua hora de contar de vez. Você respira fundo e então faz sua confissão (고백) e pede seu crush em namoro. E ele aceitou! Agora, vocês são um casal. A partir de hoje, dia 1?

Entre os coreanos, é muito comum celebrar os aniversários de um momento que marcou. A formatura, o casamento ou a fundação de uma empresa são sempre motivos de alegria e merecem ser lembrados. O namoro, é claro, não podia ser diferente. 

Daí, surgiu a expressão “A partir de hoje, dia 1”, porque você vai começar a contar os dias de namoro a partir do dia do pedido. A partir daí, as comemorações são várias: aniversários de 100 dias, 200 dias, 1 ano, 1000 dias… 

Claro que nem todo mundo lembra ou liga para essas datas, mas há muitas pessoas que se importam – bastante! – com elas e ficam chateadas se o parceiro se esquece. Por causa disso, existem até apps na Coreia que te notificam quando essas datas chegam. Mas não é só de aniversários que um coreano que namora precisa lembrar…

Cultura coreana de namoro: As datas comemorativas

cultura coreana namoro datas comemorativas

Valentine’s Day, White Day, Pepero Day… Existem muitos dias no calendário que são importantes na cultura coreana de namoro. Neles, as lojas todas se decoram de acordo com a data e ficam cheias de prateleiras com mimos como chocolates, flores e pelúcias. 

Existe, também, toda uma cultura em torno de quem ganha presente nesses dias. No Pepero Day (11 de novembro), o namorado e a namorada trocam peperos, que são biscoitos fininhos cobertos de chocolate. No Valentine’s Day (14 de fevereiro), a mulher dá chocolates para o namorado. Já no White Day (14 de março), o homem dá doces e/ou um presente para a namorada. Muita coisa para se lembrar, não?

P.S: para quem quer saber a visão de uma coreana sobre o Namoro na Coreia vs Namoro no Brasil, segue aqui o vídeo da nossa professora nativa explicando as diferenças:

Couple outfit: as roupas combinando

Couple outfit (do inglês, “roupas de casal”) é um traje escolhido pelo casal de namorados para combinar e, normalmente, é vestido durante um encontro. Ele tem a função de mostrar abertamente que aquelas pessoas formam um casal, embora, ultimamente, usar couple outfits entre amigos também seja algo comum. 

Também, para os mais tímidos ou mais discretos, é possível encontrar acessórios, os couple sets, para dividir com o parceiro. Embora os outros não vejam esses itens tão facilmente, é o suficiente como uma lembrancinha da pessoa amada.

Mandar mensagem é sinal de interesse

Principalmente, durante o início do namoro, é muito comum que o casal troque mensagens sempre que possível. Isso é visto como uma demonstração de carinho e atenção com a pessoa amada. Por outro lado, a falta dessa comunicação constante pode dar a impressão de desinteresse. Por isso, existem até mesmo sites e vídeos na internet que ensinam como mandar mensagens românticas para derreter o coração do parceiro. 

Por que os coreanos têm fama de cavalheiros?

cultura coreana namoro coreano cavalheiro

Quando se gosta de alguém, naturalmente, se deseja cuidar dessa pessoa. Mas nossas culturas nos levam a fazer isso de formas diferentes. Na Coreia, demonstrar modos cavalheirescos como abrir a porta do carro ou levar a bolsa da namorada são exemplos dessas ações carinhosas, o que levou os homens coreanos a terem fama de cavalheiros. 

Também, lembrar-se de datas especiais, assuntos comentados em conversa ou, simplesmente, ouvir com atenção são características que costumam agradar bastante entre os casais coreanos. 

Mas e o ciúmes no namoro na Coreia?

Sim, os casais coreanos também sentem ciúmes. Embora a maioria não se incomode com o namorado ou a namorada ter amigos do gênero oposto, muitas pessoas não aceitam que seus parceiros bebam com esses amigos. 

Outras pessoas, embora não proíbam essas relações, dizem preferir que seu parceiro não tenha amigos do gênero oposto em geral. Por fim, ainda, algumas pessoas acreditam que isso é parte da vida pessoal do namorado e não interferem nas amizades, ainda que venham a sentir ciúmes. 

Aegyo, o ser fofo para agradar

aegyo - cultura coreana de namoro

Numa situação de briga, de querer agradar a pessoa que se gosta ou até como uma brincadeira, agir de forma fofa é um costume tanto para as mulheres quanto para os homens coreanos (embora haja quem não goste disso também). Esse costume se chama aegyo (애교). 

Estufar as bochechas, fazer vozes fofas e cantar músicas bonitinhas são exemplos de aegyo muito comuns. O hábito se tornou particularmente conhecido entre os fãs de k-pop, uma vez que seus idols também fazem muito aegyo como fanservice. 

Mas, entre os namorados coreanos, o aegyo é capaz até mesmo de te salvar por ter esquecido uma daquelas datas comemorativas que mencionamos antes. 

Mas, e os encontros? Quem paga a conta no namoro coreano?

Na cultura coreana, é um hábito pagar a conta para os mais novos, os hoobaes (후배, quem trabalha ou estuda em um lugar há menos tempo que você). Naturalmente, por causa desse costume, ficamos curiosos sobre quem paga as contas na cultura coreana de namoro. 

Na Coreia, tradicionalmente, o homem seria quem paga no encontro, mas este pensamento vem mudando por vários motivos. No geral, a taxa de desemprego e a grande competição por trabalho faz com que alguns coreanos tenham menos dinheiro sobrando, principalmente os universitários. 

Daí, é difícil uma pessoa só pagar a conta sempre. Por sua vez, as mulheres também vêm conquistando sua independência financeira e se dispõem a dividir as contas destas saídas. Por esses motivos, alguns casais começam, lentamente, a dividir as contas após o namoro ficar mais sério (embora o homem ainda pague no começo). 

Há também casais que deixam a refeição, por exemplo, por conta do homem, e um café ou uma sobremesa após isso por conta da mulher. Por fim, ainda, há quem divida a conta metade e metade, e os coreanos chamam isso de fazer dutch pay (더치 페이).

E aí? O que vocês pensam sobre o namoro coreano? Você acha o namoro no Brasil muito diferente do na Coreia? Conte para nós aqui nos comentários! 🙂

57 comentários em “Cultura coreana de namoro: É Tudo Como Nos Doramas? Descubra!”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.